sexta-feira, 8 de abril de 2011

Em que direção estamos indo?

Sobre o triste caso do Rio de Janeiro

Permanecemos todos muito chocados e imensamente tristes com o ocorrido desta semana no Rio de Janeiro, já que não pode ser evitado que então sirva para que todos, cidadãos, pais, educadores e autoridades reflitam sobre o rumo que se pode ter, caso não sejam tomadas providências e reajustes na organização estrutural: familiar, de formação, de segurança e de país.
Fatos como estes, mesmo não sendo previstos; poderiam ser relativamente evitados se por exemplo, armas de fogo fossem menos acessíveis.
Ainda que nos doa assistir aos relatos, não temos a mínima ideia do que se passa entre as crianças e pessoas que presenciaram e muito menos o que todas as famílias atingidas estão sentindo. Ver os nossos filhos sadios e protegidos nos dão razões imensuráveis para orarmos a todos os envolvidos nesta tragédia.
Sobre o assassino. Resta-nos ao menos termos piedade; mesmo que a raiva e o ódio sejam dominantes; sentimentos assim não valem a pena serem cultivados. Esperemos que na Ordem Divina seja feita "a justiça". Algo evidente é que passa longe dele ser uma pessoa sadia mentalmente; mesmo pelos relatos dados por familiares e vizinhos. E comprova também que este crime era mais que premeditado, ele preparou meticulosamente, inclusive se preocupando em não deixar rastros e informações; exceto a carta.

Deixo os meus verdadeiros sentimentos, e também reforço a esperança de que possamos dar um mundo mais sadio e seguro aos nossos filhos, na mesma medida que eles sejam para com o mundo!

Beijos
Mayrles Emille

Para saber mais sobre o caso acessem:
http://www.globo.com/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisa personalizada