segunda-feira, 11 de outubro de 2010

PORTFÓLIO TCC- Técnico Estilismo e Moda- PARTE 4

PORTFÓLIO CAP. 3
Metáfora de vida e morte

A água: combinação química de hidrogênio e oxigênio virou “metáfora de vida e morte”. Sua falta era uma anomalia exclusiva de países pobres; na atualidade passou a ser um problema global.

Se antes parecia um recurso natural inesgotável estendeu-se à categoria de um bem escasso, a ponto de as Nações Unidas o definirem como uma provável causa de guerras no futuro deste século.

O Brasil possui 12% da água do mundo, nossos rios, lagos e lagoas dão ao país a posição de dono da maior reserva de água do mundo. É uma situação invejável, considerando que até os países ricos começaram a sentir sede, mas nem por isto deitamos em berço esplêndido: junto aos indicadores sociais que fazem do Brasil um país desigual, a distribuição de água também não é nada democrática.

O saneamento básico chega a apenas 51,3% dos lares brasileiros, foi só em 2007 que o país superou pouco mais da metade do número de casas à rede coletora de esgoto.

O semi-árido nordestino combalido e seco por natureza, já está no Atlas Mundial da Desertificação, feito pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente. Se os cientistas estiverem certos ao identificarem o Nordeste e parte do norte de Minas Gerais como áreas suscetíveis à desertificação, teremos que concordar que, talvez, as premonições de Antônio Conselheiro estivessem corretas: “O sertão vai virar mar e o mar vai virar sertão”.

A poluição industrial deixou de ser o único arquivilão da história, por sofrer uma fiscalização mais rigorosa. O maior problema hoje é o descaso da cultura descartável com o meio ambiente; dois milhões de toneladas de lixo domésticos são lançados em curso de água todos os dias no mundo.

Ferreira Gullar estreou na poesia há 60 anos e, se outrora dedicou sua escrita a temas sociais e ao engajamento político, hoje é partidário de uma poesia cada vez mais transcendente. O consumo excessivo e os desperdícios estão, para ele, na matriz dos problemas sociais da sociedade contemporânea. – Ela está alicerçada sobre o tripé “comprar, gastar, sujar”.


Pesquisa: O Globo, por Liana Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pesquisa personalizada